Espeleo-Polje

Trata-se de um projeto espeleológico a pensar na exploração e estudo das grutas associadas às nascentes cársicas do polje de Minde.

​Introdução​

Este projeto teve início em 2007 com os trabalhos na gruta da Contenda, tendo-se acrescentado a partir de 2010 a gruta do Mindinho.

Os trabalhos até agora realizados e projetados para o ano de 2013 são a continuação da exploração, topografia, levantamento geológico e mergulho nas grutas da Contenda e Mindinho.

O apoio institucional para a realização destes trabalhos é dado em 2013 essencialmente pelos grupos GEM, NEUA ARCM e NEL.

Os trabalhos realizados até agora tiveram a participação de espeleólogos da maior parte das associações de espeleologia portuguesas.

Objetivos 2013
​​
Gruta da Contenda

  • Espeleomergulho e topografia na galeria do rio.
  • A galeria do rio é um dos poucos pontos em Portugal de exploração completamente virgem.
  • A galeria do rio situa-se na parte terminal, a cerca de 70m de profundidade e a mais de 4 horas de progressão desde a entrada da gruta.
  • ​​Os mergulhos realizados em 2011 provam o grande potencial espeleológico da galeria com potenciais ligações a outras grutas do Sistema Moinhos Velhos.

Gruta do Mindinho

  • Bombeamento/espeleomergulho do sifão da chaminé (sifão S7) e continuação da exploração/topografia da gruta abaixo dos 78m de profundidade e dos 768m de desenvolvimento.

Para mais informações sobre a gruta da Contenda e a gruta do Mindinho, poderá aceder aos seguintes endereços:

Contenda:
​​
Mindinho:

Objetivos 2014

Continuação dos trabalhos de prospeção e inventariação no polje de Minde.

Objetivos 2015

Regresso aos trabalhos na Contenda com escalada na galeria SPE 66 e exploração do poço final. Topografar algumas pontas soltas.

Continuação do trabalho de prospecção, inventariação exploração e topografia no polje de Minde.

Objetivos 2016

Exploração do Olho de Água de Mira. Continuação do trabalho de prospeção, inventariação exploração e topografia no polje de Minde.
INICIO​​​
TOP​O​​​​​​​​​